18-08-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

A Damm acaba de lançar em Portugal a Daura Damm, cerveja sem glúten, apta para celíacos e para todos os adeptos de um estilo de vida saudável. Daura Damm tem o mesmo sabor que uma cerveja lager normal e é a cerveja sem glúten mais premiada do mundo.
 
A nova cerveja conta com um teor alcoólico de 5,4% e ingredientes que a marca afirma serem 100% naturais. Da investigação desenvolvida pelos Mestres Cervejeiros da Damm e da Unidade de Glúten do Conselho Superior de Investigações Científicas (CSIC) resultou a Daura Damm. A garrafa é identificada com o símbolo da espiga cortada e a menção “isenta de glúten” e em Portugal conta com uma parceria com a Associação Portuguesa de Celíacos (APC).
 
De acordo com a APC (Associação Portuguesa de Celíacos) existem em Portugal 10 mil casos de celíacos diagnosticados, mas o número tende a aumentar. A crescente preocupação com uma dieta mais equilibrada leva ainda muitas pessoas a procurarem alternativas à sua alimentação habitual e a optar por produtos isentos de glúten.
 
Os passos da produção da Daura Damm são muito semelhantes aos das cervejas lager, mas Damm promove a hidrólise de proteínas para garantir que tem menos de três ppm de glúten. Para garantir a qualidade é sempre enviada para análise do CSIC uma amostra de todos os lotes produzidos de Daura Damm.
 
Elsa Cerqueira, Marketing Manager Damm, acrescenta que “até há pouco tempo, o ato de desfrutar de uma cerveja em convívio com os amigos era impossível para um celíaco, mas Daura Damm veio revolucionar a vida destes consumidores. Acompanhando as tendências do mercado e exigências dos consumidores, não só dos celíacos, mas também daqueles que seguem dietas sem glúten.”
 
Esta cerveja tem sido alvo de inúmeras distinções internacionais, sendo neste momento a cerveja sem glúten mais premiada do mundo, segundo a marca. De entre várias distinções, ganhou por quatro vezes (2014, 2011, 2009 e 2008) o prémio de “Melhor cerveja isenta de glúten do mundo” nos World Beer Awards em Londres.
 
Publicado em Marcas
Há 256 anos que a Guinness faz a sua cerveja da mesma forma, mas isso está prestes a mudar. No próximo ano, a empresa deixará de utilizar bexigas de peixe nos seus filtros, depois de vários anos de queixas por parte dos vegan irlandeses.
 
Segundo a imprensa britânica, há muito que estes estão a pedir à cervejeira para não utilizar ictiocola, um subproduto da indústria de pesqueira, usado para remover o fermento extra da Stout e ajudá-lo a estabilizar de forma mais rápida. Este produto é utilizado desde o século XIX.
 
“A ictiocola é eficiente e usada há muitos anos, mas vamos deixar de a utilizar assim que o novo processo de filtração for introduzido”, explicou um porta-voz da marca ao The Times. O que deverá ocorrer já no próximo ano.
 
Há cerca de 12 anos que a comunidade vegan e vegetariana insistem que a Guinness altere a sua técnica de produção da Stout. “Temos noção de que a sua utilização é uma barreira ao consumo dos nossos produtos por parte de algumas pessoas. Por isso estamos a procurar alternativas”, sublinhou o porta-voz da Guinness.
 
Esta decisão surge numa altura em que o Parlamento Europeu pôs em prática um plano para forçar as cervejeiras a destacar a utilização de ictiocola nas suas garrafas.
Publicado em Marcas
segunda, 07 abril 2014 21:01

Central de Cervejas lança nova cerveja

A Sociedade Central de Cervejas e Bebidas acaba de lançar no mercado português uma nova cerveja premium - a belga Affligem, que terá no novo espaço da marca, O Purista - Barbiére, um ponto de encontro de eleição com os fãs.
 
Criada em 1074, a Affligem é uma cerveja de especialidade que mantém a receita original até aos dias de hoje. É apresentada como a cerveja ideal para os que procuram uma recompensa de prazer pessoal aliado a um sabor único.
 
O novo produto da Central de Cervejas está a ser promovido com uma campanha de 360º. Estará em destaque, até final do mês, n' O Purista- Barbiére, uma pop-up store na zona histórica de Lisboa.
 
Trata-se duma barbearia tradicional em que é possível fazer a barba, cortar o cabelo, jogar uma partida de bilhar, ler a imprensa da atualidade ou simplesmente apreciar uma Affligem.
 
Publicado em Marcas
Sim, leste bem o título. Cerveja em vez de água. O assunto até pode parecer insólito, mas no fim vais querer também esta instalação.
 
Um grupo de amigos juntou-se para fazer algo inédito a Russ. Os próprios, descrevem que a acção ainda lhes deu uns dias de trabalho mas que no fim, valeu a pena só pelas valentes gargalhadas que deram.
 
Vamos portanto ao briefing.
A ideia: Configurar todas as torneiras da casa de Russ, de modo, a que quando abertas, deitem cerveja fresca e deliciosa. Isto incluí toneiras da cozinha e wc.
Material necessário: Barris de cerveja, muitos metros de tubo, várias câmaras de filmar espalhadas em locais estratégicos, canecas e quilos de espectativa positiva para que dê certo.
O resultado: O melhor e mais épico apanhado de sempre e muitas gargalhadas. Celebrou-se a amizade.
 
Por isso, da próxima vez que pensares fazer uma festa em casa mesmo 'like a boss', lembra-te de surpreender os teus amigos e mete as torneiras a funcionar como deve ser e 'cheeeeeeerrs'.
 
Confere em baixo no vídeo.
 
 
Publicado em Mix
A banda norte-americana de heavy metal originária de Los Angeles, lançou esta segunda-feira uma edição especial de cerveja Budweiser com a sua assinatura.
 
Esta edição limitada conta com 91 mil latas que foram produzidas para marcar a inauguração da Centre Vidéotron, no Canadá, uma nova casa de espetáculos onde a banda Metallica irá dar dois concertos.
 
Em comunicado, a Budweiser afirma que foi inspirada na força e vibração deste espetáculo histórico para criar uma cerveja com a "imagem do poder do rock". A marca anunciou ainda que esta edição limitada de cervejas, apenas estará à venda no Canadá.
Publicado em Marcas
segunda, 12 fevereiro 2018 15:08

Cultura da cerveja tem uma nova marca

A Associação Portuguesa dos Produtores de Cerveja (APCV), sofreu recentemente um rebranding, passando agora a denominar-se Cervejeiros de Portugal. À nova identidade gráfica junta-se também um site renovado, tendo como principal objetivo valorizar a cultura da cerveja.
 
“A mudança da designação de marca, pretende reforçar o posicionamento de inovação, dinamismo e modernização que queremos projetar para este setor. Um processo que resulta do compromisso e união de todos os parceiros empenhados na promoção de uma verdadeira cultura da cerveja, e do seu valor estratégico para a economia nacional” referiu, em comunicado, o presidente da Associação, François-Xavier Mahot.
 
Segundo dados divulgados por esta associação o consumo de cerveja em Portugal cresceu 8% no ano passado, face a 2016, e as exportações subiram 12,6%.
Publicado em Marcas
 
A artista plástica Joana Vasconcelos uniu forças com a cerveja Sagres e lançou uma coleção limitada e exclusiva de latas de cerveja personalizadas, que simbolizam as regiões de Portugal.
 
As novas latas já se encontram à venda e pretendem assim promover o talento nacional, bem como as regiões portuguesas. Foram produzidas mais de 2,5 milhões de latas de cerveja de 33cl desta nova edição.
 
Podes ficar a conhecer mais trabalhos realizados pela artista portuguesa em joanavasconcelos.com.
 
Publicado em Marcas
sábado, 01 fevereiro 2014 11:41

Cervejas voam até aos consumidores

A Amazon anunciou recentemente estar a fazer testes para a realização de entregas de encomendas através de drones - veículos aéreos não tripulados - e agora a ideia parece estar a inspirar outras empresas.
 
A marca de cervejas americana Lakemaid apresentou um spot, com assinatura da agência Pocket Hercules, no qual é possível ver-se uma grade de cervejas a ser entregue por um daqueles aparelhos.
 
Inicialmente um grupo de pescadores envia a sua localização via GPS para o bar. Pouco tempo depois, o robot entrega as cervejas sem qualquer tipo de problema. Graças a uma pequena câmara instalada no drone, o espetador pode ainda assistir a toda a trajetória até ao destino.
E se a moda pegasse em Portugal?
 
 
Publicado em Marcas
A Super Bock é a marca de cervejas com maior visibilidade online, tendo recolhido 64 por cento das referências monitorizadas na primeira edição do Barómetro Social da Identidade Digital e Cision. Seguem-se a Carlsberg, também uma marca do portefólio Unicer, com 18,10 por cento das referências, e a Sagres, da Central de Cervejas, com 10,9 por cento.
 
Esta ordem de fatores mantém-se quando se analisa a presença online por plataformas: assim é nos blogues, no Facebook e no Twitter, sendo aqui, aliás, que a Super Bock se distancia das demais cervejas, com 77,8 por cento das referências.

Em março, o dia com maior número de referências à marca foi o 27, devido ao anúncio da participação de Lana Del Rey no Super Bock Super Rock. A música é, aliás, um dos temas que mais leva os internautas a falarem da marca.

Também as marcas de café estiveram em foco neste barómetro e a conclusão é que o Twitter é o canal privilegiado pelos consumidores para falarem sobre estas marcas, surgindo depois os blogues e o Facebook.
 
E no Twitter a marca de café mais falada em março foi a Nespresso, com 2.128 referências. A nível global da presença online, a Nespresso também liderou, com 30,05 por cento das referências: em segundo ficou a Delta, com 21,1 por cento, e em terceiro a Nicola, com 18,2 por cento.
Publicado em Marcas
É possível beber álcool e não ficar alcoolizado. O segredo passa por... ingerir levedura de cerveja. Jim Koch, o milionário co-fundador da Boston Beer Company, que produz a popular Samuel Adams, diz que o truque é simples: basta comer um iogurte com levedura de cerveja em pó antes de ingerir grandes quantidades. Mais precisamente, uma colher de chá por cada cerveja prevista. Pelo menos, o milionário diz funcionar com ele. 
 
A levedura evita com que as pessoas fiquem alcoolizadas por conter uma enzima que quebra as moléculas do álcool e forma semelhante à que o fígado usa para o metabolizar. Ainda assim, o co-fundador da empresa alerta que a levedura apenas "mitiga" os efeitos do álcool não os eliminado por completo. 
 
Esta solução já foi, entretanto, contestada por não ser cientificamente plausível.
 
Publicado em Mix
Pág. 1 de 8
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.

Este site utiliza cookies. Ao navegares neste site estás a consentir a sua utilização. Para mais informações consulta a nossa Política de Privacidade.